PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Prefeitura de Castro entrega nova unidade de acolhimento

Campos Gerais

22 de outubro de 2021 16:55

Da Redação


Relacionadas

Semana Cultural de Tibagi termina neste domingo

Telêmaco anuncia chegada de R$ 2 milhões para a saúde

Palmeira projeta iniciativas em prol da causa animal

Ortigueira investe R$ 2,5 milhões em iluminação pública
Projeto ‘Cidade Limpa’ chega aos bairros de Imbaú
Câmara de Castro aprova a criação do programa 'Eco Feira'
Feira Christmas Market de Carambeí estreia neste sábado
Espaço destinado às pessoas em situação de vulnerabilidade foi revitalizado com recursos federais no valor de R$ 213 mil Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Espaço destinado às pessoas em situação de vulnerabilidade foi revitalizado com recursos federais no valor de R$ 213 mil

A prefeitura de Castro entregou nesta sexta-feira (22) a Unidade de Acolhimento Institucional Provisório à População em Situação de Rua na modalidade Casa de Passagem. A ‘Casa Pop’ está instalada na Rua Evangelina Madureira de Camargo, nº 400. no Jardim Arapongas. O espaço foi revitalizado com recursos federais no valor de R$ 213 mil.

Com capacidade para atender até 20 pessoas encaminhadas pelo Serviço de Abordagem Social, a casa é destinada à população em situação de rua, de desabrigo, em trânsito ou abandono, migração, ausência de residência ou pessoas sem condições de auto sustento. Elas poderão permanecer no local por até cinco dias recebendo alimentação, hospedagem, higiene pessoal e segurança. O serviço tem como objetivo principal garantir proteção social imediata e emergencial enquanto é realizado o estudo social, diagnóstico e encaminhamentos necessários ao usuário.

A coordenadora da ‘Casa Pop’, Adriana Halati Kugler, destacou que o espaço garantirá os direitos a pessoas em situação de rua e a articulação com outros municípios, pois muitas pessoas atendidas querem retornar para sua cidade. “É uma grande alegria para nós. Já conseguimos que muitos retornassem às suas famílias. Agradecemos a toda a equipe do social por este espaço de acolhimento e esse olhar para essas pessoas que tanto precisam”, disse.

A secretária municipal da Família e Desenvolvimento Social, Michele Nocera Fadel, também avaliou a importância do investimento. “A ‘Casa Pop’ vem para acalentar a situação desse público mais vulnerável que precisa de atenção. Aqui proporcionamos cama, banho quente e alimentação. A casa vai funcionar 24 horas. Estamos muito felizes e agradecemos a toda nossa equipe. É uma conquista para nosso município”, ressaltou.

Para o prefeito Moacyr Fadel (Patriota), a unidade de acolhimento representa uma conquista para a população. “É uma satisfação oferecer esse espaço a quem mais precisa. Há alguns anos em um inverno de frio intenso, acolhemos pessoas em ginásios e isto fez com que enxergássemos que precisaríamos fazer mais por quem mais precisa. Este espaço é uma vitória para a administração. Um lugar digno que vai ajudar a transformar a vida de muitas pessoas” disse.

 

Números do atendimento

O Serviço de Abordagem Social e para a população em situação de rua é de média complexidade do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), realizado por profissionais vinculados aos Centros de Referência e Assistência Social (CREAS), atendendo diariamente por meio de escala, a área rural e urbana. Conforme os dados de atendimento do Creas Aconchego no ano de 2020, foram atendidas pelo Serviço de Abordagem Social, 164 pessoas adultas em situação de rua no município de Castro, sendo 50 abordagens para munícipes e 114 para pessoas oriundas de outros municípios e estados. Em 2021 já foram realizadas 290 abordagens entre munícipes e transeuntes.

PUBLICIDADE

Recomendados